Skip to content

Congresso Mega Brasil 2013 | Crise em Redes Sociais

01/04/2013

Palestra_Risoletta_Congresso_Mega_Brasil

A Internet, principalmente com o advento das plataformas sociais (Orkut, facebook, Twitter, Youtube) projetou e deu voz ao consumidor. Agora, a reclamação é em tempo real e vai longe. O site Reclame Aqui há tempos é sucesso e colocou equipes de RP e áreas afins “plugadas” no que se fala da marca por lá. Hoje, cada perfil é seu reclame aqui e tem sua audiência (amigos e seguidores), que ajuda a disseminar reclamações. Portanto, monitorar as redes sociais é uma “obrigação”. E, diferente dos jornais, o que se fala na internet fica tatuado e permanece.

Mas “Crises em Redes Sociais” não ocorrem apenas com empresas e produtos. Mas com governos, repartições públicas, comunidades. E para falar sobre este assunto, a organização do Congresso Mega Brasil 2013 convidou para o dia 24/04/2013, das 15h20 às 16h30, Risoletta Miranda (na foto), Jornalista com MBA em Marketing, premiada em 2011, no Festival de Cannes, com um Leão na Categoria PR – Melhor Uso de Redes Sociais, e Sócia-Diretora da FSB Digital. “Abordarei, com uso de cases, o que tem funcionado ou não. E como isso tem impactado imagem e reputação das marcas nas redes sociais”, disse a jornalista.

Clique aqui para saber mais sobre a programação e inscrição para a 16ª  edição do Congresso Mega Brasil de Comunicação.

Breve resumo do case da FSB – Prêmio Leão de Ouro em Cannes

Policiais invadem o morro da Grota, no Complexo do Alemão. Uma onda de notícias, com boa dose de boatos, toma conta na capital fluminense. Na Internet os cariocas criticavam o governo. #Crise

Mas a mesma rede que difundia o medo serviram como veículo de informação em tempo real. A FBS, agência que cuidava das mídias sociais do governo do Rio, encarou o desafio de mostrar à população que se tratava de uma causa coletiva, e não de um problema individual de cada rua ou bairro.

A estratégia utilizada pela FBS foi a de humanizar a operação, aproximando Estado e cidadãos. Outro desafio era dosar o que podia ser divulgado, afinal, ao mesmo tempo que era necessário informar a população, a equipe precisava preservar a própria operação. Além disso, havia a necessidade de resgatar e fomentar o orgulho de morar no Rio de Janeiro.

Paz Social, como o case ficou conhecido, conseguiu a reversão de um cenário de caos utilizando as mesmas ferramentas que tentaram difundi-lo.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: