Skip to content

Blogagem Coletiva 4: O que me leva a comprar um livro?

14/04/2011

O convite de mais essa blogagem coletiva partiu do amigo jornalista Alessandro Martins, mas a sugestão foi da leitora e editora de blog Roberta Fraga. I love books so… lá vou eu responder a questão proposta.

Confesso que comprar livros é algo recente na minha vida. Antes a coisa era na base do “me empresta esse livro?”. Mas o caminho era de mão única, já que por não possuir nenhum, claro, eu não tinha o que emprestar.

A resposta ao motivo de amar livros e não ter nenhum era simples – e talvez coincida com a de muitas outras pessoas: livros custam caro. A afirmativa, hoje, no entanto, não faz mais tanto sentido. Há bons livros a preços módicos. Na minha última investida, por exemplo, comprei 10 títulos a R$ 100,00. Não vi mais essa promoção no Submarino, mas tem outras duas que valem a pena: 1) kits e coleções com até 80% de desconto e 2) 50 livros por preços inacreditáveis.

O preço ainda é fator determinante na hora de escolher uma publicação. Mas não vou comprando todos os títulos porque estão baratos. A indicação de um amigo, o tema, a capa, o autor e a divisão dos assuntos fazem parte do conjunto de detalhes que me impulsiona na hora da aquisição. Ah! Sobre o autor. Não é tão importante se ele é renomado, mas se o livro que li dele anteriormente foi atraente, compro outro. O Paulo Coelho, por exemplo, é internacional e eu nunca li um livro de suas obras.

E quando o assunto é preço não podemos esquecer das várias obras que já podem ser baixadas da Internet sem ser pirataria. Eu ainda prefiro ter o livros em mãos para uma leitura relaxante e prazerosa. Mas quem gostar de ler via computador é só procurar os temas que mais lhe agradam.

O último livro que li foi a bibiografia da Marina Silva. Gosto de biografias mesmo que se corra o risco de o autor dar uma estampa de herói ao personagem da obra. No caso de Marina não foi assim. Os relatos são esclarecedores sobre a trajetória de vida dela e não houve uma supervalorização. Para quem conhece, pouco que seja, sabe que Marina é realmente uma pessoa diferenciada.

Atualmente estou lendo 50 coisas que os pais nunca devem dizer aos filhos. Não é uma leitura filosófica, intelectualizada ou complexa, mas os resultados são importantes e verdadeiros para a harmonia e convivência com os filhos.

Aproveito para saudar o Dia Internacional do Livro (23 de abril) e indicar dois sites para baixar e-books gratuitamente sem ser considerado pirataria, claro: http://bit.ly/9PvIvL e http://bit.ly/bTpa8Z

Algumas frases sobre a importância da leitura

“A leitura é para o intelecto o que o exercício é para o corpo.” (Joseph Addison)

“A leitura faz ao homem completo; a conversa, ágil, e o escrever, preciso.” (Francis Bacon)

“A leitura é uma conversação com os homens mais ilustres dos séculos passados.” (René Descartes)

“A leitura é a viagem de quem não pode pegar um trem.” (Francis de Croisset)

“Quem não lê não pensa, e quem não pensa será para sempre um servo.” (Paulo Francis)

“A leitura, após certa idade, distrai excessivamente o espírito humano de suas reflexões criadoras. Todo o homem que lê demais e usa o cérebro de menos, adquire a preguiça de pensar.” (Albert Einstein)

“A leitura é uma fonte inesgotável de prazer mas por incrível que pareça, a quase totalidade, não sente esta sede.” (Carlos Drummond de Andrade)

“A leitura não é uma atividade elitizada, mas uma ferramenta de transformação social dos indivíduos.” (Julian Correa)

“Um público comprometido com a leitura é crítico, rebelde, inquieto, pouco manipulável e não crê em lemas que alguns fazem passar por idéias.” (Mário Vargas Llosa)

“A leitura não deve ser mais do que um exercício para nos obrigar a pensar.” (Edward Gibbon)

“Descobri que a leitura é uma forma servil de sonhar. Se tenho de sonhar, porque não sonhar os meus próprios sonhos?” (Fernando Pessoa)

“A maior parte do tempo de um escritor é passado na leitura, para depois escrever; uma pessoa revira metade de uma biblioteca para fazer um só livro.” (Samuel Johnson)

“O importante é motivar a criança para leitura, para a aventura de ler.” (Ziraldo)

“Nós mudamos incessantemente. Mas se pode afirmar também que cada releitura de um livro e cada lembrança dessa releitura renovam o texto.” (Jorge Luis Borges)

“A leitura especializada é útil, a diversificada dá prazer.” (Sêneca)

“A leitura engrandece a alma.” (Voltaire)

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. 21/04/2011 0:49

    Gostei do blog! Eu também esbarro no preço por muitas vezes, mas a paixão fala mais alto e mesmo sem poder eu do um jeitinho de comprar.

  2. Solange de Moraes Guerra permalink
    20/04/2011 11:12

    Primeiro: Vontade
    Segundo: Entrar na minha livraria preferida, e encontrar os vendedore que já me conhecem de longa data.
    Terceiro: Não ser importunada, me deixar a vontade e de preferência nenhum vendedor tentar me ajudar na escolha.
    Quarto: Seleciona alguns, por indicação, resenha, por autor conhecido e lido, e principalemte por PAIXÃO. Tenho que me apaixonar pelo livro, tocar e sentir o seu cheiro.
    Quinto: Se os 4 ítens anteriores forem atendidos, com certeza não sairei sem comprar um livro.

Trackbacks

  1. O que leva você a comprar um livro? - Respostas | Livros e Afins
  2. Blogagem Coletiva 4: O que me leva a comprar um livro? « Marcos … | Midia Social

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: