Skip to content

Cultura: as delicias da Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto

15/06/2010

Estive no dia 12 de junho na 10ª edição da Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto. A organização dos stands estava muito bem feita, em comparação há três quatro anos – última vez que por lá estive.

Dá vontade de “morar” no local durante o período de realização do evento. São tantos encontros culturais de alto nível que fica difícil escolher qual participar. Peças teatrais, mostras de cinema (não comercial) e bate-papo intelectual com grandes nomes do cenário nacional. Cito alguns para não cansar a leitura: Rubem Alves, Mário Prata, Saulo Gomes, Domingos Meirelles, Carlos Heitor Cony, Guilherme Fiuza, Laurentino Gomes,  Ricardo Kotscho, Palmério Dória, Cláudia Tajes.

Desta feita, minha passagem por este grande evento de Ribeirão Preto foi especial. Fui reencontrar minha amiga Lêda Rezende, médica psicanalista, membro da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores e blogueira. Lêda lançou o livro “Vitral – Compondo a Vida” (Editora – AGBOOK), terceiro livro da autora. Fui apoiar o lançamento e, claro, pegar meu autógrafo. Lêda foi simples na dedicatória, mas suas palavras me fizeram voar: “Para Marcos que muito me alegrou da presença – também uma forma especial de compor a vida! Ou seja, estar presente, fisicamente – num mundo cada vê mais online -, ainda é ingrediente necessário para compor a vida.

Na oportunidade revi também o marido da Lêda, o divertido Luiz, que novamente me rancou sorrisos. Fizemos uma visita ao novo Mercadão de Ribeirão Preto. Fiquei surpreso! Está tão lindo e gostoso quanto o de São Paulo. Amo tudo isso!

Foi um dia completo de alegria, pois conheci também, pessoalmente, o Ricardo Almeida, diretor do I-Group e do Clube de Autores (veja entrevista que fiz sobre ele). Acompanhado dele a sua mulher, Ana Lia. Trocamos rápidas ideias sobre política, internet, negócios e livros. Ricardo não é complexo como gente da área, mas simples, prático e eficaz. Desejo longa vida a esta amizade.

Para fechar o dia, a noite também foi especial. Na Arena Cultural ouvi um pouco a cantora Bia Moretti. Destaque para o excelente músico que a acompanhava. A noite ainda reservava dois shows. Às 21 horas Pedro Luís e a Parede. Assisti a performance do pessoal do projeto Fuá, grupo formado por alunos do Instituto de Artes da UNICAMP, que estudam e divulgam a cultura popular brasileira desde as mais tradicionais às influências contemporâneas urbanas, sempre baseando-se nas manifestações populares.

Desejo vida longa também aos organizadores da Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto e aos patrocinadores do evento.

Anúncios
5 Comentários leave one →
  1. Leda Rezende permalink
    15/06/2010 19:54

    adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!! e fiquei bem feliz por vc ter gostado da dedicatória! deveria ter escrito
    “ao preferidinho” , mas fica o registro!
    obrigada, Marcos querido amigo, pela presença!

    • 16/06/2010 8:12

      Lêda…

      Agradeço sempre por ter pincelado esta amizade. Espero, sinceramente, que ela tenha vida longa. E parabéns por mais esta bela obra.

      [ ]’s

  2. 22/08/2010 11:54

    Infelizmente, apesar de estar morando em São Paulo por um breve período, tenho deixado de participar de coisas culturais interessantes. O tempo (falta) tem sido meu inimigo neste caso.

    [ ]’s

Trackbacks

  1. Vasta programação cultural na 15ª Bienal do Livro « Marcos Masini: Jornalista, Redator WEB, Conteúdo para Mídias Sociais – Franca-SP
  2.   Bienal do Livro Internacional em São Paulo  by Olhar Jornalístico

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: