Skip to content

Case LocaWeb: sua empresa está preparada para as mídias sociais?

31/03/2010

A Locaweb, empresa de serviços de hospedagem, anunciou a demissão de Alex Glikas, diretor comercial da companhia. Durante o jogo entre Corinthians e São Paulo, Alex Glikas, postou no Twitter algumas mensagens contra o São Paulo Futebol Clube (print  acima – Alex deletou os tweets da sua conta).  A Locaweb realizou um acordo para patrocinar o time do São Paulo no clássico contra o Corinthians e no jogo de hoje, contra o Monterrey, no México, pela Taça Libertadores.

As marcas querem muito entrar no mundo web 2.0, mas o risco é grande. Não dá para improvisar. Tudo deve ser planejado, calculado e estar nas mãos de profissionais. Um pequeno deslize, mesmo que a marca não esteja envolvida diretamente pode ampliar o problema caso este não seja gerenciado com sobriedade. Crises no ambiente das mídias sociais se espalham como vírus.

Hoje, infelizmente, um funcionário da Locaweb , no calor de sua paixão, se manifestou de maneira equivocada sobre o resultado do jogo entre São Paulo e Corinthians , dando a muitas pessoas a impressão de que a sua opinião pessoal era a opinião institucional da empresa” – Declaração no blog corporativo da empresa.

Recentemente passei por uma experiência de uso equívocado do Twitter por parte @VIAEMBRATEL . A conta, aparentemente, tem um caráter mais institucional e até então parece dar pouca voz a que tem algo a dizer – erro básico para quem deseja frequentar o ambiente web 2.0 . Meus inúmeros Tweets não receberam nenhuma atenção por parte da empresa de TV por assinatura.

UPDATE: A ocorrência com o Alex Glikas serve para alertar as empresas sobre a força das mídias sociais. No entanto, o fato  não deve colocar em dúvida a capacidade do profissional.

Anúncios
8 Comentários leave one →
  1. 07/04/2010 13:33

    Olá Masini,

    Esse artigo retrata bem como a web 2.0 pode ser nociva, principalmente devido a sua utilização por pessoas, vamos dizer, com pouco bom senso.

    Agindo dessa forma ele se mostrou não só agressivo com relação à competição no esporte, mas passou uma imagem ruim por citar o nome da empresa onde trabalhava. Essa era uma situação ele, como ex-diretor financeiro, poderia ter criado um twitter de trabalho para fazer divulgação da empresa, e um pessoal, totalmente desvinculado de seu trabalho.

    É uma pena que há aos montes pessoas utilizando o twitter dessa forma.
    Abraço.

  2. 01/04/2010 0:14

    Adorei o texto, vou divulgá-lo na empresa.
    Saudades de ter tempo para ver todos seus posts.
    Bjão

    • 01/04/2010 10:00

      Oi Kel,

      Confesso que tenho andado pouco pela blogosfera. Tenho cuidado muito do meu próprio teto – por necessidade profissional (não é olho no umbigo). Até vejo bastante coisa por aí, se for pensar, (muita delas voltadas para assuntos ligados a área da comunicação), mas tenho comentado pouco, o que é uma injustiça com os amigos e conhecidos blogueiros, mas prometo reparar o erro assim que essas necessidades profissionais me aliviarem.

      [ ]’s

Trackbacks

  1. Os riscos das empresas nas redes sociais « Blog da Zaft
  2. Os riscos das empresas nas redes sociais | Direct Labs
  3.   Empresas estão de olho nas mídias sociais by Olhar Jornalístico
  4. RH: Empresas estão de olho nas mídias sociais «

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: